Apesar do rebaixamento do Sport nesta temporada no Campeonato Brasileiro da Série A, o meio-campista Gustavo foi uma grande surpresa da equipe na competição. Em sua primeira temporada na equipe profissional do time pernambucano, o atleta de 19 anos se destacou e despertou o interesse de clubes como Flamengo, Atlético-MG, Palmeiras e, inclusive, de alguns times europeus.   

 

Em maio de 2020, o jogador teve o contrato renovado com o Sport até fim de 2026. Entretanto, a equipe não descarta a saída do atleta, diante de uma boa oferta, principalmente pelo momento financeiro crítico que a equipe vem passando. Durante entrevista ao portal ‘GE’, o meia que despertou interesse da equipe Rubro-Negra afirmou que aguarda definição da carreira com calma. 

Fico muito feliz de olhar para trás e ver meu crescimento como atleta e como homem durante esta temporada. Não foi da maneira que queríamos e que o torcedor merecia (devido ao rebaixamento), mas nunca faltou dedicação. Que 2022 seja ainda melhor e que eu possa me firmar de vez no cenário nacional. Agora é descansar, desligar um pouco a cabeça, pois a temporada foi muito intensa. E pensar no futuro com calma, sem pressa, disse Gustavo. 

A diretoria esportiva do Sport pretende negociar o atleta em uma modalidade de venda de partes dos direitos econômicos, com o adicional de cessão de jogadores por empréstimo ao Mais Querido. O jovem se tornou uma peça principal de articulação no Sport na disputa do Brasileirão, tendo boas apresentações, onde conseguiu conquistar a confiança de Gustavo Florentín.  

Apesar de vários clubes terem se interessados pelo meio-campista, o Sport ainda recebeu nenhuma proposta formal no mercado nacional. Em contraponto, o Metalist, da Ucrânia já formalizou o seu desejo pelo atleta, oferecendo 2 milhões de euros por parte dos direitos do jogador, que acabou sendo rejeitada pela diretoria do Leão