Key Alves vem sendo bastante criticada nas redes sociais, nos últimos dias, por conta de sua postura em relação às crenças de Fred Nicácio no BBB 23. A jogadora de vôlei é acusada por boa parte dos internautas de cometer intolerância religiosa contra o médico, assim como Gustavo e Cristian.

A situação motivou até mesmo uma bronca de Tadeu Schmidt na noite de ontem (20). No entanto, Key manteve suas opiniões e isso aumentou as críticas a ela na web. A atleta começou, inclusive, a perder seguidores no Instagram após o ocorrido.

Quando entrou no Big Brother Brasil, Key Alves possuía 7 milhões de seguidores na rede social. Há cerca de cinco dias, esse número havia subido para 7,9 milhões de inscritos. Desde que a celeuma pelas posições religiosas da sister passou a ecoar junto ao público, ela caiu par 7,7 milhões de seguidores -- uma perda de 200 mil.

Key Alves rebateu Tadeu Schmidt

Na madrugada desta terça-feira (21), após o discurso de Tadeu Schmidt, Cara de Sapato decidiu opinar sobre a importância de se falar sobre a diversidade de religiões no Brasil e o dever de respeitar todas. "Conversar sobre isso [intolerância religiosa] é importante", disse o lutador.

Entretanto, Key Alves acabou "discordando" do discurso de Tadeu e afirmou que, por mais que respeite, não é obrigada a ficar de amizade com todos. "Eu acho que o assunto morreu aqui, acabou, é isso. Ele [Tadeu] já deu o recado dele é acabou. É inevitável quando a gente sente as coisas. Não vou ficar forçando uma parada que não tá dando para mim, cara. Não faço isso lá fora, vou fazer aqui dentro? Só por que falam que tem que ser assim? Não dá para mim. Respeito é respeito, mas eu não sou obrigada a ficar de amiguinho, não".