Quem vê os shows de Whindersson Nunes não imagina tudo o que o humorista ja passou. Vivendo inúmeras polêmicas após seu divórcio com a cantora Luísa Sonza e a perda do filho, o artista contou tudo sobre a sua vida em suabiografia, “Vivendo Como Um Guerreiro”. No livro, conta que começou a usar drogas ilícitas antes mesmo de conhecer a cantora e que queria ensinar tudo a ela para dar certo na carreira.

Foto: Reprodução/Instagram – Whindersson Nunes fala sobre assuntos polêmicos em biografia
Foto: Reprodução/Instagram – Whindersson Nunes fala sobre assuntos polêmicos em biografia

No capítulo Fim de Conversa, o último do livro, Whindersson conta que quando conheceu Luísa Sonza, com quem casou em 2018 e se separou em 2020, estava droga. Além disso, explicou que queria passar tudo para ela, com um instinto de professor. “Quando a vi, pela primeira vez, eu a vi no efeito da droga. Eu a vi meio que brilhando. Foi o começo de uma viagem. Uma viagem de alguém que tem um instinto de professor. Eu queria passar tudo para ela. Eu queria que ela desse certo na vida”, revelou.

Foto: Reprodução/Instagram – Whindersson Nunes revela que se afundou nas drogas

Foto: Reprodução/Instagram – Whindersson Nunes revela que se afundou nas drogas

O comediante também afirmou que a cantora não teve nenhuma culpa em seu vício. Whindersson conta que se “lançou no abismo” por ele mesmo. No final, Whindersson também revela que sofria tanto e achava que merecia.”Quando acabou com a Luísa, eu também tive o meu penhasco”, escreveu, em uma referência à músicaPenhasco, de Luísa, que também seria sobre o fim do casamento.

Além disso, revela que pensou em uma internação para se livrar das drogas. Contudo, sabendo que o pessoal estavam culpando Luísa.”Eu tinha medo que essa fase (vício em drogas) pudesse voltar. E eu, às vezes, pensava que eu devia me internar. E meus amigos diziam que isso seria um prato cheio para a mídia. E eu também não queria que isso fosse um prato cheio para que as pessoas culpassem a Luísa. Não, definitivamente a culpa não foi da Luísa”, disse.