Rafael Vitti é um grande conhecido dos telespectadores brasileiros e além de emocionar como Pedro em “Malhação Sonhos”, o jovem leva emoções e romance a casa dos brasileiros como o mágico Davi, da atual novela das seis, “Além da Ilusão”. Nesta sexta-feira (12), o ator foi convidado ao podcast “Papo de Novela” e falou sobre a insegurança de achar que não conseguiria o papel de protagonista.

"Vou ser sincero: o Luiz Henrique Rios foi meu primeiro diretor - ele que me ensinou a ser profissional, devo muita coisa a ele -, mas eu sempre tive a impressão que ele não gostava muito do meu trabalho. E a novela era do Pedro Vasconcellos, ele tinha me convidado para fazer o personagem, só que por algumas questões ele acabou saindo.”, revelou.

“E na hora que o Luiz assumiu eu pensei: 'Ai, meu deus, ele vai me tirar da novela!' (risos). Mas não. Hoje eu conto isso pra ele e a gente dá risada junto. A gente criou uma mega afinidade. É muito lindo mesmo nosso encontro, no set e fora dele. É um paizão para mim”, contou Rafa.

Na conversa, ele fala sobre como está feliz em poder dar vida a um personagem mais maduro e diferente do que vem fazendo na televisão. "Eu só posso agradecer por ter tido oportunidade suficiente para conseguir me desenvolver como ator, e quero fazer cada vez mais personagens que me desafiem, que as pessoas falem: 'Nossa, mas o Rafa vai fazer esse papel?'. Então eu me sinto, sim, um ator mais amadurecido do que era. O processo da pandemia e a paternidade também me amadureceram, trouxeram um outro peso para minha vivência.", disse.