Pai e filho, Almir e Gabriel Sater farão outro duelo de viola na TV, segundo informou a coluna de Patrícia Kogut, do jornal O Globo. No remake de Pantanal, os dois protagonizaram uma cena marcante de duelo de viola. Ambos, agora, estarão lado a lado durante apresentação no programa Criança Esperança.

Antes da estreia da novela, Gabriel, que assumiu o papel de Trindade, que foi de seu pai, na exibição original de 1990, falou de comparações com o artista em entrevista para a coluna de Kogut. "Eu quis esse personagem mais do que qualquer outro da minha vida. Eu fiz o teste em segredo, sem avisar a ninguém. Gosto das coisas à minha maneira, com calma.
Eu ia tirar um recesso na pandemia, estava indo para uma lua de mel numa casa isolada."

"Quando vi a primeira notícia de que ia ter a novela, meu coração acelerou. Parei, foquei toda a energia possível. Deu certo. Depois do teste, eu comecei a trabalhar a parte física, estudar mais a viola. E sou um dos maiores fãs do meu pai. Vi um pouco a novela quando criança e mais tarde voltei a assistir inteira. É bom ter esse frescor como audiência", prosseguiu.

 

Loreto com Almir Sater

José Loreto tem vivido o Mato Grosso intensamente. Nas redes sociais, o ator gosta de compartilhar momentos dos bastidores da gravação da novela “Pantanal”. Na trama, o artista vive o peão Tadeu, filho do fazendeiro, José Leôncio, (Marcos Palmeira), e recentemente o intérprete compartilhou uma foto inusitada em seu perfil no Instagram. 

Na imagem, José aparece ao lado do cantor Almir Sater. Tudo indica que o eterno violeiro ensinava algumas dicas do instrumento para o rapaz e o clique foi uma forma de homenagear Satter, que faz a sua segunda participação na novela. Vale mencionar que Almir também participou da primeira versão de “Pantanal”, em 1990.