O governador de São Paulo, Rodrigo Garcia (PSDB), se manifestou após o primeiro caso de varíola dos macacos ser comprovado na capital paulista. O Instituto Adolfo Lutz confirmou o diagnóstico na última quinta-feira (9), em um homem de 41 anos que retornou da Espanha.

Mas, em coletiva nesta sexta-feira (10), Garcia afirmou que "não há motivo para pânico e o estado está atento a isso". Além disso, o político destacou o protocolo para a proteção do cidadão contaminado, que foi devidamente isolado no Instituto de Infectologia Emílio Ribas. 

Existe todo um protocolo que já foi ligado para a proteção desse indivíduo infectado. O fato é que não há motivo para pânico e o estado está atento a isso, já comunicou o Ministério da Saúde para que ele possa também ligar os protocolos nas fronteiras, para que a gente tenha atenção com essa varíola dos macacos", explicou ele. 

O que é varíola dos macacos?

De acordo com informações do site do Instituto Butantan, a varíola dos macacos é um vírus que atinge animais e, raramente, humanos. As manifestações clínicas podem incluir febre, dor de cabeça, dores musculares e nas costas, calafrios, cansaço e lesões na pele