arrow_drop_down
search
Atacante do Al-Hilal faz golaço, crava duelo com Fla e comemoração dá o que falar

Notícias Mundial

Autor do gol do Al-Hilal nega provocação ao Flamengo e dedica gol a Jorge Jesus

Atacante Gomis foi herói do clube saudita na classificação à semifinal do Mundial em que o próximo adversário será o Mengão. Na comemoração do gol, francês chamou a atenção ao se dirigir ao lado onde estavam a delegação rubro-negra e o técnico JJ

Bolavip
BolaVip Brasil

Atacante do Al-Hilal faz golaço, crava duelo com Fla e comemoração dá o que falar

Atacante do Al-Hilal faz golaço, crava duelo com Fla e comemoração dá o que falar

Poucas horas depois de chegar a Doha, neste sábado (14), a delegação do Flamengo já foi direito ao estádio Jadson Bin Hamad para acompanhar o duelo que definiria seu adversário na semifinal do Mundial de Clubes da FIFA. Com golaço de Gomis, o Al-Hilal, da Arábia Saudita, derrotou os tunisianos do Espérance por 1 a 0 e cravou encontro contra os comandados de Jorge Jesus na próxima terça-feira (17).

Em campo, o Al Hilal, ex-clube comandando exatamente pelo “Mister”, mostrava sua superioridade técnica, mas sem transformar as chances em gol. Até que no segundo tempo, o francês Gomis, de 34 anos, saiu do banco de reservas para marcar um golaço e garantir a classificação do Al-Hilal à semifinal do Mundial.

Na comemoração do gol, Gomis correu em direção de onde estavam os jogadores e comissão técnica do Flamengo. Irreverente, o atacante brincou com Jesus, com o qual tem uma boa relação desde a época em que o português treinava o Al-Hilal. Houve até quem pensasse que o centroavante havia feito uma provocação ao elenco rubro-negro, mas ele esclareceu tudo na zona mista.

“O Flamengo é um grande time, com grande jogadores, e apenas fui falar com o Jorge Jesus. Ele é um pai para mim. Quando jantamos, falei que íamos nos encontrar em campo e agora fui mandar uma mensagem. Desejei boa sorte ao Flamengo pelo Twitter e não será um jogo fácil", concluiu Gomis, que revelou ter ganhado um uniforme do Flamengo na infância.

Além dele, Gustavo Cuéllar também se pronunciou em entrevista após o jogo. O ex-jogador do Flamengo agora defende as cores do clube saudita e sua saída do Ninho do Urubu não foi muito bem digerida por grande parte da Nação. Em contato com os jornalistas, o volante pregou respeito aos rubro-negros, a quem considera favoritos. "O Flamengo investe há muito tempo e está dando resultado. São realidades similares, mas o Flamengo está um pouco à frente. Não é fácil ganhar a Libertadores. Posso dizer que tentaremos propor o jogo contra eles na semifinal. Todo mundo conhece a qualidade do Flamengo, vamos com muito respeito. Conheço os jogadores e a ideia do treinador", ponderou o colombiano.

Temas:

Leia também


Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.