CR Flamengo v Al Hilal FC - FIFA Club World Cup Qatar 2019

Futebol: Mais notícias

Futebol Flamengo

Valorizado no mercado após ano espetacular, Bruno Henrique receberá propostas do futebol chinês em janeiro, assegura empresário

Decisivo para o Flamengo na temporada, Bruno Henrique chama atenção de milionários da China e propostas devem chegar em janeiro pelo camisa 27. O jogador tem se mostrado peça-chave no esquema ofensivo de Jorge Jesus e vive o melhor momento de sua carreira defendendo a camisa rubro-negra

Bolavip

CR Flamengo v Al Hilal FC - FIFA Club World Cup Qatar 2019

CR Flamengo v Al Hilal FC - FIFA Club World Cup Qatar 2019

Na semifinal do Mundial de Clubes, o meia-atacante Bruno Henrique voltou a brilhar pelo Flamengo na vitória por 3 a 1 contra o Al-Hilal. Mas enquanto isso, um dos seus representantes, Wellington Paulo, regressava da China, onde ficou nos últimos dias para alinhar com os clubes que se mostram interessados em contar com um dos destaques do futebol brasileiro em 2019.

Wellington não viajou para já receber as propostas, mas sim entender os projetos de carreira que os clubes chineses têm para oferecer ao camisa 27. Na companhia de um tradutor, participou de reuniões realizadas em restaurantes e escritórios pela capital Pequim

Ainda não se sabe quais são os clubes interessados pelo atleta, mas rumores apontam que o Beijing Guoan - um dos mais ricos do país - é uma das instituições interessadas pelo jogador do Flamengo, vale a menção que é o clube em que joga o brasileiro Renato Augusto. A partir do dia 1º de Janeiro de 2020, os clubes chineses estarão liberados por lei a fazerem propostas e, tendo em vista isso, o atleta que fará 29 anos no próximo dia 30, poderá receber propostas dos asiáticos. 

Bruno Henrique chegou ao Flamengo em janeiro de 2019 junto ao Santos por 23 milhões de reais. O jogador tem multa rescisória de cerca de 28 milhões de euros, aproximadamente 140 milhões de reais, o que indica que não será fácil tirar o jogador do Rubro-Negro. O camisa 27 foi o artilheiro do Campeonato Carioca, eleito Craque da Libertadores e Craque do Brasileirão, além do apelido "Rei dos Clássicos" por marcar gols em praticamente todos os jogos que enfrentou os rivais: Vasco, Botafogo e Fluminense. Até então, tem 61 jogos, 35 gols e 15 assistências pelo time carioca.

Temas:

Leia também




Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.