arrow_drop_down
search
Foto: Reprodução/ESPN

Futebol Atlético-MG

Saída de Sampaoli gera bate boca de Sormani com Zé Elias ao vivo na ESPN: "Nessa praia, sou bom para burro"; legado do argentino no Galo veio à tona

Discussão acalorada veio há pouco durante o programa "Futebol na Veia", da ESPN Brasil, em que Jorge Sampaoli foi o centro das atenções após passagem por Santos e o Atlético

Bolavip

Foto: Reprodução/ESPN

Foto: Reprodução/ESPN

Chegou ao fim, nesta segunda-feira (22), a passagem de Jorge Sampaoli do comando técnico do Atlético. Com proposta do Olympique de Marselha, da França, o técnico argentino pediu a rescisão de seu contrato no Galo, que aceitou a opção. O treinador vinha se estranhando internamente com a alta cúpula, principalmente por reivindicar reforços para a próxima temporada.

O chamado "4R", formado por Rubens e Rafael Menin, Ricardo Guimarães e Renato Salvador, investidores do Atlético, já vinham batendo de frente com Sampaoli, a quem consideravam "intransigente" nos pedidos. A proposta do Olympique foi apenas um motivo para o fim do casamento, que durou menos de um ano. Vida que segue no Galo, que vê em Renato Gaúcho como sua principal alternativa no mercado.

Mas ainda falando sobre Sampaoli, o argentino rendeu uma baita discussão entre os comentaristas Zé Elias e Fábio Sormani ao vivo na ESPN há pouco. Durante o programa "Futebol na Veia", o legado do ex-técnico do Atlético virou motivo de bate boca entre os companheiros da emissora da Disney.

Sampaoli rescindiu com o Atlético nesta segunda-feira (22) - Pedro Vilela/Getty Images Brasil

O tema principal de discussão foi o estilo de jogo que Sampaoli, remontando até os tempos de Santos. Para Sormani, o argentino inovou no cenário brasileiro, assim como Jorge Jesus no Flamengo. Zé Elias, então, discordou do seu ponto de vista. Até aí, nada de novo. Mas na hora da continuação do debate e quando a fala voltou a Sormani, a interrupção pelo colega não caiu bem. Eis que o climão reinou ao vivo.

"Se você não deixa eu falar... Eu te respeitei, você falou cinco minutos",  reclamou Sormani. "Mas você me perguntou quanto foi o jogo e eu te respondi", retrucou Zé Elias. Com os ânimos ficando mais exaltados, o mais experiente dos comentaristas ameaçou apelar: "Nessa praia de bate boca eu sou bom para burro, viu".

"Eu também, Seu Sormani. Não tem problema, eu também sou bom de bate boca. A gente discute o tempo todo aqui, eu tenho tempo suficiente, o senhor fica tranquilo. O senhor perguntou, eu respondi", defendeu-se Zé Elias em seguida. Já com o intervalo sendo chamado pelo apresentador Felipe Motta, deu para ouvir ao fundo: 'Só um minutinho, para deixar claro, eu falei 'eu sei, porque foi o senhor que perguntou'", continuava Zé Elias. 

Discussões à parte, o Atlético terá uma entrevista coletiva marcada para as 9h30 (horário de Brasília) nesta terça-feira (23). Quem vai falar será Rodrigo Caetano, diretor-executivo de futebol, que vai explanar os planos da diretoria sobre o sucessor de Sampaoli. Na quinta (25), o Galo encerra sua participação no Campeonato Brasileiro contra o Palmeiras no Mineirão. 

Temas:

Leia também


Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.