Robinho processa o Atlético Mineiro por dívida milionária

Futebol: Mais notícias

Futebol Atlético-MG

Robinho vai à Justiça e processa o Atlético Mineiro por dívida milionária; advogada explica o caso

A advogada do Rei das Pedaladas disse ter esperado até onde pôde, mas não houve movimentação por parte do clube

Bolavip

Robinho processa o Atlético Mineiro por dívida milionária

Robinho processa o Atlético Mineiro por dívida milionária

Atualmente no futebol turco, o atacante Robinho ainda não se resolveu por completo com seu ex-clube, o Atlético Mineiro. O 'Pedalada' foi à justiça contra o Galo por dívida pendente desde sua saída do clube, em 2017.

Foto: Bruno Cantini/Atlético MG

O camisa 7 chegou em fevereiro de 2016 como "carro-chefe" do presidente em exercício Daniel Nepomuceno. Em dezembro de 2017 o ciclo de Robinho foi encerrrado em Minas Gerais, Nepomuceno também não permaneceu na presidência atleticana e uma dívida de quase R$ 5 milhões, segundo os representantes de Robinho, não foi saldada pela gestão posterior.

Foto: Bruno Cantini/Atlético MG

O investimento do Galo para trazer Robinho não foi baixo, o salário do jogador era de R$ 300 mil, R$ 315 mil de direitos de imagem e um bônus de 500 mil dólares por ano "pela licença pelo uso, exploração, veiculação e utilização do nome, apelido desportivo, voz e imagem do atleta". Também é cobrado um bônus de R$ 2.100.000,00.

Segundo Marisa Alija, advogada de Robinho, a DryWorld seria a responsável por pagar o bônus. A empresa foi uma das resposáveis pela contratação do jogador saiu logo após o craque e também deixou dívidas para o clube.

"Esperamos até onde podíamos por um acordo amigável. Aceitamos parcelar, sem juros... Mas não foi feita uma proposta efetiva por parte do clube. Esperamos por quase dois anos. Só que, infelizmente, não veio. E como o prazo prescricional para reclamar os direitos trabalhistas em juízo é agora no fim de dezembro, e o recesso forense começa no dia 20 de dezembro, tivemos que entrar com a ação, para não perder o prazo" - explicou Marisa.

Os pedidos de Robinho são:

• R$ 900 mil (três meses de salário não pagos)

• R$ 945 mil (três meses de direitos de imagem)

• R$ 2,1 milhão (bônus, em conversão de 20/11)

• R$ 300 mil (13º salário)

• R$ 300 mil (férias proporcionais)

• R$ 90 mil (1/3 Constitucional)

• R$ 300 mil (Multa do artigo 477 da CLT)

• Multa de 40% do FGTS

• Multa do artigo 467 CLT

Fonte: Globoesporte

Uma primeira audiência para discutir todos os valores reclamados já foi marcada para 11/12. Porém, Robinho pediu para se ausentar e a juíza da 41ª vara do trabalho acatou. O Istanbul Basahsehir, time de Robinho, joga contra o Borussia Mönchengladbach, na Alemanha, pela Liga Europa, no dia 11/12.

Temas:

Leia também




Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.