O São Paulo se movimenta nos bastidores para qualificar o elenco após a chegada do técnico Hernán Crespo e estuda alternativas no mercado da bola. Uma das prioridades é qualificar o setor ofensivo, que perdeu Brenner ao longo da temporada 2020 e ficou sem um companheiro afirmado para o artilheiro Luciano. 

Uma das esperanças para o setor ofensivo, Pablo não vive boa fase e, inclusive, vem sendo preterido pelo uruguaio Gonzalo Carneiro, que corre contra o tempo para convencer a direção a renovar seu contrato. Diante da carência, o Tricolor está de olho em um dos destaques do futebol mexicano, mas enfrenta concorrência de um rival.

De acordo com informação do jornalista Nahuel Ferreira, o São Paulo sondou a situação de Juan Dinneno, de 26 anos, que defende o Pumas, do México. Acumulando 12 gols em 26 jogos na temporada, o argentino também é alvo do Palmeiras, que já teria realizado um contato formal com o estafe nos bastidores.

O Pumas (MEX) já está ciente do interesse dos clubes paulistas e já informou que não topa negociar Juan Dinneno até o mês de junho. Os mexicanos também definiram o valor e pedem 8 milhões de dólares (cerca de R$ 43,26 milhões na conversão atual), limpos de impostos. O contrato do jogador ainda é longo tem duração até dezembro de 2022

Revelado no Racing, Juan Dinneno, também já vestiu as cores dos argentinos Temperley e AldosiviDeportivo Cuenca e Barcelona de Guayaquil, do Equador, e Deportivo Cali, da Colômbia. Anunciado pelo Pumas no início de 2020, ele soma 35 partidas, colocando a bola nas redes 17 vezes.