Jogadores do Cruzeiro são ameaçados de morte

Futebol: Mais notícias

Futebol Cruzeiro

Presidente do Cruzeiro é abordado por torcedores e jogadores são ameaçados de morte

O clima no Cruzeiro não está nada agradável 

Bolavip

Jogadores do Cruzeiro são ameaçados de morte

Jogadores do Cruzeiro são ameaçados de morte

O clima no Cruzeiro não está nada bom. Com o time brigando para não cair, os ânimos estão à flor da pele e atitudes drásticas são tomadas de todos os lados. A diretoria demite e contrata técnico (já foram 4 só em 2019), demite e contrata jogador, mas nada muda. A torcida, passional que é, também comete seus erros e dessa vez até passando dos limites.

Ao telefone, Wagner Pires de Sá - Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro

Um grupo de cruzeirenses abordou o presidente Wagner Pires de Sá, onde começam uma conversa em tom de lamentação, chateados com a situação do Cruzeiro no campeonato, próximo de um rebaixamento inédito na história do clube. Porém, acabam chegando ao ponto de ameaçar os jogadores da Raposa de morte e o alvo principal é Thiago Neves.

Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro

"Pelo amor de Deus, não deixa isso acontecer, não! Mas se esse Thiago Neves continuar fazendo isso, vai ter... Você já ouviu falar no futebol brasileiro que teve morte de jogador porque time foi rebaixado? Nunca, né?! Vai acabar acontecendo isso..." - diz um deles.

O mandatário que, pacientemente ouve os torcedores - mesmo com as ameaças -, inicia uma conversa e diz não entender o que acontece com os atletas.

"Tem umas coisas que a gente não entende. Os caras jogaram bola, até no início do ano era o melhor time. de repente, pararam de jogar bola" - comenta Wagner.

Conversa vai e conversa vem, Wagner e os torcedores trocam ideia e debatem até sobre os técnicos que passaram pelo Cruzeiro na temporada. Todos entram em consenso quando o assunto é Rogério Ceni, que deixou o clube por desentedimento com os atletas. Ceni ficou apenas 45 dias na Toca.

"O problema é o seguinte: quando nós trouxemos o Ceni, se o Ceni tivesse ficado, nós não estávamos nessa situação." - disse Wagner.

Um dos torcedores concorda com o presidente e relembra que Thiago Neves foi um dos jogadores que tiveram problemas com Rogério.

"Tava não, com certeza. Mas deixaram esses caras aí mandar... Esse Thiago neves é uma praga!"

Ao fim do papo, os torcedores se despedem de Wagner e pedem para o mandatário conversar com os jogadores. Um deles volta a fazer ameaças.

"Mas é isso aí, Deus abençoa aí. Mas fala com eles (jogadores), se cair, vai acontecer grave, vai dar coisa ruim, vai dar coisa ruim..." então, Wagner corrobora: "Vou dar uma prensa neles!"

O Cruzeiro tem pela frente: Vasco, Grêmio e Palmeiras, sendo os dois primeiros fora e o último em casa. Ocupando a 17ª colocação, com 36 pontos, o time mineiro é o primeiro dentro da zona da degola.

Temas:

Leia também




Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.