arrow_drop_down
search
Juninho revela o que atrapalhou sua passagem pelo Palmeiras

Futebol Palmeiras

Palmeiras ainda vem à tona e Juninho aponta motivo por fracasso no clube: "Não consegui desenvolver meu futebol"

O zagueiro teve uma passagem de altos e baixos pelo Alviverde Paulista; atualmente no Bahia, Juninho também elogiou o treinador Roger Machado 

Bolavip

Juninho revela o que atrapalhou sua passagem pelo Palmeiras

Juninho revela o que atrapalhou sua passagem pelo Palmeiras

Não é segredo pra ninguém que o Palmeiras se tornou uma das principais potências do futebol brasileiro nos últimos anos. O alviverde se destacou por sua força no mercado ao montar um elenco feito para todas as competições do ano, incluindo Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil e Libertadores. Porém, nem sempre as contratações dão certo ou são aproveitadas pelos treinados, assim como o caso do zagueiro Juninho.

Atualmente no Bahia, o defensor concedeu entrevista ao programa Expediente Futebol, do Fox Sports, e revelou que a falta de confiança atrapalhou seu desempenho no Palmeiras e no Atlético-MG, onde teve passagens apagadas.

“Eu cheguei ao Bahia com confiança, o que faltou no Palmeiras e no Atlético-MG. Sem confiança não consegui desenvolver meu futebol. Aqui, eu voltei a ter confiança e a desenvolver meu futebol e a aparecer para o cenário nacional e mundial", declarou. 

Juninho não vingou no Palmeiras. Foto: César Greco/Ag. Palmeiras

A passagem do zagueiro pelo Palmeiras foi decepcionante para a torcida do Palestra, isso porque o atleta surgiu como uma grande promessa no Coritiba. O zagueiro também revelou o carinho por Roger, que também passou pelo clube paulista. Atualmente, o treinador comanda o Bahia, time de Juninho. Roger Machado treinou o Maior Campeão do Brasil em 2018 e soma 44 jogos à frente da equipe, com 27 vitórias, 8 derrotas e 9 empates.

“No Palmeiras, eu trabalhei com o Roger por muito pouco tempo. E depois de dois ou três meses, eu fui emprestado ao Atlético-MG. Quando surgiu a proposta do Bahia, mesmo conhecendo o Roger por pouco tempo, eu aceitei porque precisava voltar a jogar", completou.

Temas:

Leia também


Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.