arrow_drop_down
search
Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia/Divulgação

Futebol Bahia

Nino Paraíba retorna ao time do Bahia, que pode perder dupla: "Dependerá da evolução", afirma médico

No próximo meio de semana, o Esquadrão disputa um jogo atrasado contra o Botafogo e terá baixas; dois titulares irão passar por tratamento intensivo para estarem à disposição de Mano Menezes

Bolavip

Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia/Divulgação

Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia/Divulgação

O Bahia já vira a página após a derrota para o Athletico-PR e centra suas atenções na próxima rodada do Campeonato Brasileiro, sem tempo para lamentações. Na 19ª colocação no Campeonato Brasileiro, o Esquadrão precisa iniciar logo sua recuperação e terá pela frente mais um duelo fora de casa, contra o Botafogo, no Rio de Janeiro.

Em busca de sua primeira vitória, o técnico Mano Menezes poderá contar com o retorno de Nino Paraíba. O lateral-direito estava suspenso e não pôde atuar na Arena da Baixada, sendo substituído por Edson, que atuou improvisado. Apesar da volta do lateral, o Bahia liga o alerta para não perder dois jogadores importantes.

No duelo contra o Athletico-PR, os atacantes Élber e Gilberto precisaram ser substituídos e viraram dúvidas. "Gilberto subiu para disputar uma bola e quando caiu sentiu uma dor na perna esquerda, na região lateral (...) Foi medicado e colocou gelo no local. Vamos observar a evolução nas primeiras 24 horas e ver se tem limitação nos próximos treinos. Temos que aguardar essa evolução nos próximos dias", explicou o médico do clube, Daniel Araújo.

Foto: Divulgação/EC Bahia

"Élber sentiu uma dor muscular na região da coxa, queria voltar no segundo tempo. Conversei com o professor Mano Menezes, em comum acordo a gente achou mais conveniente tirar da partida para que uma dor muscular não se transformasse em lesão mais grave", adicionou. A expectativa é que esta segunda-feira (28) seja decisiva para a presença de ambos na próxima partida.

"Os atletas continuarão na fisioterapia. Estão medicados. Amanhã farão tratamento intensivo. No Rio de Janeiro vamos avaliar os atletas. Se necessário, na segunda faremos exames, mas dependerá da evolução e da dor que eles sentirem nos próximos dias", completou Araújo. O jogo contra o Botafogo, na quarta, 21h30min, é válido ainda pela 1ª rodada. 

Temas:

Leia também


Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.