arrow_drop_down
search
Jaílson tem preço definido para venda e Grêmio pode se salvar em pandemia

Futebol: Mais notícias

Futebol Grêmio

Grêmio vê Fenerbahçe agonizar em crise e Jaílson tem preço para ser negociado até para o Brasil; Romildo pagaria folha inteira com quantia

Clube turco quer vender o volante na próxima janela de transferências e pede 4 milhões de euros para negociar em meio à crise financeira agravada pela pandemia. Tricolor sorri de longe, já que tem direito a 20% da quantia em caso de transferência em definitivo

Bolavip

Jaílson tem preço definido para venda e Grêmio pode se salvar em pandemia

Jaílson tem preço definido para venda e Grêmio pode se salvar em pandemia

Contendo despesas na pandemia como a maioria dos clubes do Brasil, o Grêmio pode receber uma ótima notícia em breve. Isso porque o volante Jaílson, campeão com o Tricolor da Libertadores de 2017, está insatisfeito no Fenerbahçe e pode deixar a Turquia na próxima janela de transferências. Os “Canários” também não estão contentes com o futebol apresentado pelo brasileiro e já o colocam em uma lista de negociáveis.

 

 

Atuando improvisado como zagueiro, Jaílson cometeu seguidas falhas no empate do Fenerbahçe em partida válida pela Superliga da Turquia. Substituído no intervalo do duelo contra o Genclerbirligi, os torcedores dos Canários fizeram críticas ao meio-campista de 24 anos nas redes sociais. O resultado fez com que a equipe se mantivesse na quinta colocação, fora da zona de classificação para as competições europeias, o que aumentou ainda mais as críticas da imprensa do país e de grande parte da torcida.

Nossa reportagem apurou com o jornalista Ekrem Konur, do portal turco Lacivert Sari, que o Fenerbahçe não se opõe a uma saída de Jaílson, desde que seja uma venda em definitivo. O valor que a diretoria turca pede seria em torno dos 4 milhões de euros (cerca de R4 24 milhões na cotação atual), a mesma quantia que o Grêmio aceitou negociá-lo há três anos. 

Jaílson não faz mais partes dos planos do Fenerbahçe. Foto: Getty Images

“Obviamente Jailson não está feliz. Nos últimos jogos, o Fenerbahçe perdeu muitos pontos devido a erros dele. Então, em caso de propostas do Brasil, ele vai aceitar a oferta”, diz Konum ao Bolavip Brasil com exclusividade. Obviamente o Grêmio monitora qualquer movimentação financeira, já que detém 20% dos direitos do meio-campista. 

Nessa hipótese, os cofres do CT Luiz Carvalho teriam um acréscimo de 800 mil euros, ou seja, cerca de R$ 5 milhões. Tal quantia seria o suficiente para pagar uma folha inteira do elenco em meio à pandemia de Covid-19 – obviamente com os valores reajustados e concordados entre elenco e o presidente Romildo Bolzan Jr. 

Sem técnico há três meses, o Fenerbahce também atravessa grave crise financeira e, por isso, necessita fazer caixa. O time turco é comandado pelo interino Tahir Karapinar, além do veterano Emre Belozoglu, que, aos 39 anos, é ídolo e também ajuda como treinador quando se faz necessário. Outro motivo para que Jaílson tenha perdido prestígio em Istambul foi a contratação de Luiz Gustavo no ano passado, o que fez o ex-gremista recuar para a zaga.

Temas:

Leia também


Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.