Esperando reforços, Renato aponta posições prioritárias para investimento alto no Grêmio

Futebol: Mais notícias

Futebol Grêmio

Esperando reforços, Renato aponta posições prioritárias para investimento alto no Grêmio

Depois de condicionar sua permanência no clube a chegada de reforços, Renato Portaluppi definiu as posições para as quais o Grêmio tentará dar um "tiro grande" na próxima janela de transferências

Bolavip

Esperando reforços, Renato aponta posições prioritárias para investimento alto no Grêmio

Esperando reforços, Renato aponta posições prioritárias para investimento alto no Grêmio

O técnico Renato Portaluppi não esconde a necessidade de reforços no Grêmio para competir, em 2020, pelos títulos que ficaram para trás nesta temporada. Depois de eliminações nas semifinais da Copa do Brasil e Copa Libertadores da América, o Tricolor Gaúcho tem como principal objetivo garantir uma vaga direta na edição da próxima temporada do principal torneio do continente sul-americano. 

No último final de semana, após derrota em casa para o Flamengo, o treinador, que ainda não acertou sua renovação contratual, cobrou publicamente a chegada de novos contratados. Renato, que entende as dificuldades financeiras do Grêmio, acredita na compreensão do presidente Romildo Bolzan Júnior para buscar, ao menos, um nome de peso na janela de transferências

Boa relação com o presidente Romildo Bolzan (E) é trunfo de Renato por reforços (Foto: Lucas Uebel/Grêmio/Divulgação)

"O cinto não vai fechar. O cinto também não vai afrouxar tanto como Palmeiras e Flamengo, eles têm condições diferentes. Não vão faltar contratações. Vamos procurar formar um grupo forte, como fizemos todos os anos", disse. "Não pode ser tão apertado, mas não podemos fazer loucuras. Nós precisamos trazer alguns jogadores para fortalecer ainda mais o grupo. O presidente me fala, isso todo ano: 'um tiro grande a gente pode dar'. Se o presidente liberar, vamos tentar encontrar esse jogador. Quando a gente traz um jogador, a gente sempre faz acreditando que ele vai ajudar", adicionou o técnico.

O 'tiro grande' do Grêmio no mercado, se acontecer, será para trazer um jogador que possa fazer a diferença. Depois de os atacantes ficarem abaixo do esperado no ano e nomes como os meio-campistas Luan e Jean Pyerre sofrerem com lesões, o técnico quer um 'fazedor de gols'. "Meia ou atacante. Tiro grande é no cara que vem para fazer gol. Se tiver que investir, é em um cara desses. Com todo respeito, não pode dar tiro grande do cara lá atrás. A gente está bem lá atrás", completou Renato.

Temas:

Leia também




Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.