Emprestado ao Vasco, Sidão não deve voltar ao Goiás em 2020

Futebol: Mais notícias

Futebol Goiás

Emprestado pelo Goiás ao Vasco da Gama, Sidão não deve voltar à equipe esmeraldina, que se lança no mercado por novo goleiro

O jogador de 36 anos teve uma rápida crescente no Botafogo antes de viver momentos obscuros no São Paulo e, recentemente, pelo Gigante da Colina.

Bolavip

Emprestado ao Vasco, Sidão não deve voltar ao Goiás em 2020

Emprestado ao Vasco, Sidão não deve voltar ao Goiás em 2020

Sidão, goleiro do Goiás que estava emprestado ao Vasco da Gama, não deve ter o retorno carimbado para a equipe esmeraldina. De acordo com Túlio Lustosa, diretor de futebol do clube goiano, conversas foram iniciadas junto aos representantes do atleta para que novo destino seja encontrado. Atualmente, Tadeu é o dono da camisa 1 do time e, ao efetuar um bom Campeonato Brasileiro embaixo das traves, é o preferido entre os torcedores. 

Sidão esteve envolvido em polêmica logo quando foi contratdo pelo Goiás

"Estou conversando com o empresário do Sidão para tentarmos achar um termo para ele seguir a vida também. Não adianta, com toda a bagagem que tem, ele retornar ao Goiás para ser terceiro ou quarto goleiro. Para ser bem direto, não acho que, para a carreira dele, é viável retornar ao Goiás hoje", respondeu Túlio Lustosa ao ser questionado sobre a montagem do elenco enquanto entrevistado pelo jornal "O Popular." 

Após se envolver em polêmica no Goiás, Sidão atuou em apenas sete oportunidades pelo Cruz-maltino. Em uma delas, ao ser eleito Craque do Jogo em votação popular realizada pelo globoesporte.com, foi personagem de uma brincadeira que gerou controvérsias nas redes sociais. Tudo indica que o atleta não será bem recebido de volta ao Esmeraldino pela declaração que deu no início do ano, antes de ser emprestado ao Almirante de São Januário. 

"Quando saí do São Paulo, fiquei com um pouco de receio por estar vindo para o Goiás porque a gente sonha em jogar em clubes de grande expressão. Não que o Goiás não seja, mas a gente sabe que sair do São Paulo e ir para o Goiás é uma descida, com todo respeito ao Goiás, que fique bem claro", disse Sidão quando estava sendo entrevistado pela Rádio Bandeirantes de Goiânia, em março. Mesmo após o pedido de desculpas perante a imprensa em coletiva convocada pelo próprio atleta, clima amigável não permaneceu entre as partes envolvidas no negócio. Até o momento nenhum clube despertou interesse em contar com o jogador. 

Temas:

Leia também




Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.