arrow_drop_down
search
Empresário de Lincoln não se intimida e rebate BAP

Futebol: Mais notícias

Futebol Flamengo

Empresário de Lincoln não deixa barato e alfineta BAP: "Está em outro patamar, o de baixo"; Nação agita as redes sociais

Polêmica declaração de dirigente do Flamengo não agradou nadinha o staff do atacante, que também se posicionou com tom ácido na web: “Muitas vezes é melhor ficar calado”

Bolavip

Empresário de Lincoln não se intimida e rebate BAP

Empresário de Lincoln não se intimida e rebate BAP

A nova geração de jogadores revelados pelo Flamengo entrou para a história. Além das vendas milionárias de Vinícius Júnior, Paquetá, Léo Duarte e Reinier, o sucesso do Rubro-Negro nas categorias de base acabou sendo refletido na equipe profissional. A visibilidade internacional também aumentou com as negociações milionárias entre Fla, Milan (ITA) e Real Madrid (ESP). 

Lincoln, por sua vez, não obteve o mesmo sucesso. Destaque da base flamenguista, o atacante nunca chegou a se firmar entre os profissionais. A joia rubro-negra permaneceu no Rio de Janeiro e participou do inédito Mundial de Clubes disputado no Catar em 2019. Luiz Eduardo Baptista, vice-presidente de Relações Externas do Flamengo, comentou sobre o polêmico gol perdido do jovem jogador na final contra o Liverpool (ING). 

“Não fomos campeões do mundo porque o Flamengo estava no jogo 80 do ano, e o Liverpool, 27. Se tivesse Pedro ou Reinier no lugar do Lincoln naquela bola, o destino poderia ser outro, declarou BAP em entrevista ao canal "Paparazzo Rubro-Negro". Lincoln também se posicionou por meio de suas redes sociais. “Muitas vezes é melhor ficar calado!”, postou o atacante. 

Lincoln se destacou na base do Fla. (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Vitão Remiro, empresário do atleta, não deixou barato e se manifestou sobre a fala do dirigente. “Não temos nada que reclamar do Flamengo, dirigentes sempre corretos e profissionais, cito aqui o presidente Landim, Marcos Braz e o Bruno Spindel. O BAP está em outro patamar, o de baixo. O que é lamentável. Para o Flamengo. Para o futebol”, declarou o agente. 

 

Com a necessidade de vender jogadores devido à crise financeira gerada pela pandemia da Covid-19, Lincoln pode ser um dos primeiros a deixar o Flamengo. Com contrato até 2023, o atacante despertou o interesse do Lokomotiv Moscou (RUS). O atleta possui uma multa rescisória para clubes estrangeiros de 45 milhões de euros. O mesmo recebeu uma proposta da Juventus (ITA) de 15 milhões de euros, porém, o valor foi recusado pela diretoria carioca.

Temas:

Leia também


Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.