arrow_drop_down
search
Foto: Ivan Storti/Santod FC

Futebol Santos

“É motivo de vergonha”; Rueda lamenta crise financeira no Santos e promete correr contra o tempo para quitar as pendências com o elenco

Mandatário corre contra o tempo para quitar as pendências com os jogadores antes da final da Copa Libertadores

Bolavip

Foto: Ivan Storti/Santod FC

Foto: Ivan Storti/Santod FC

O Santos deu show na Vila Belmiro na última quarta-feira (13), quando venceu o Boca Juniors e passou à final da Copa Libertadores da América. Mas agora, o assunto já foi deixado de lado, e o presidente Andrés Rueda quer resolver as pendências que tem com o elenco antes da decisão contra o Palmeiras, no próximo dia 30, às 17h, no Maracanã. Em entrevista ao Bandsports nesta quinta- feira (14), o mandatário comentou que a situação causada por outras gestões precisa ser remediada pela nova diretoria.

 

“Não dá para contratar sem poder pagar e conviver com atrasos salariais e direitos de imagem. Vamos prometer o que o clube pode cumprir. Não é bom para ninguém do jeito que esteve. Precisamos de relação profissional, transparente, que o jogador vai receber no quinto dia útil. Pecamos um pouco nisso nos últimos tempos. Pretendemos resolver rapidamente com nosso elenco”, disse o presidente ao Bandsports. Ele também se disse envergonhado com o momento financeiro do Peixe, levou a cobrança como brincadeira e, por fim, agradeceu Cuca por ajudar a equipe nos momentos mais difíceis da temporada.

 

 

“A declaração do Marinho foi em tom de brincadeira. Jogamos franco com nosso time nesses 10 dias. Estavam um pouco desgastados com promessas dadas e não cumpridas de dirigentes. Fomos francos, explicamos a situação financeira difícil no momento, mas que tudo que fosse prometido seria cumprido. Batalhamos muito, colocamos algumas pendências financeiras com jogadores em dia. Acertamos 13º, ou seja, vários pontos que não estavam em dia e reforçamos que cumpriremos o prometido. É motivo de vergonha, dentro de um futebol que se diz profissional, não honrar a remuneração no valor combinado. Isso a equipe comprou bem a ideia. Foi difícil comprarem porque passaram por problemas em gestões, e essa união, com a técnica e garra deles, com o comando do Cuca… Cuca nesse momento não é só técnico, é parceiro do Santos. Isso mostra que no futebol nem sempre a situação financeira privilegiada faz diferença. Garra e vontade podem superar”, completou.

 

Rueda quer quitar os salários dos jogadores antes da final da Libertadores. Foto: Ivan Storti/Santos

Um dos motivos para Marinho ter cobrado a diretoria após a classificação para a final da Libertadores é que o salário de dezembro, vencido em 8 de janeiro, ainda não foi pago. Além disso, o clube da Baixada deve algumas premiações e direitos de imagem. A informação é do jornalista Lucas Musetti. 

 

Para que possa honrar a promessa feita aos jogadores, Rueda deve vender mais atletas após o término da Copa Libertadores. Além de Lucas Veríssimo, que já acertou sua transferência para o Benfica, de Portugal, Diego Pituca, que tem proposta do Kashima Antlers, do Japão, também deve deixar o Peixe nos próximos dias. A ideia também é reduzir a folha salarial do elenco.

Temas:

Leia também


Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.