arrow_drop_down
search
Foto: Ricardo Duarte/Internacional

Futebol Internacional

Diretoria do Inter se desentende e Rodrigo Caetano contradiz Medeiros sobre novos reforços: “Vamos ter que vasculhar o mercado”

Rodrigo Caetano, executivo de futebol do Inter, concedeu entrevista ao Esporte Band RS e falou exatamente o contrário do que Marcelo Medeiros havia dito

Bolavip

Foto: Ricardo Duarte/Internacional

Foto: Ricardo Duarte/Internacional

Na noite da última segunda-feira (26), o Inter confirmou que Boschilia rompeu o ligamento cruzado anterior do joelho direito. Ainda não há informação sobre quanto tempo o jogador deverá ficar sem atuar pelo clube, porém, assim como Guerrero e Saravia, o meia só deve retornar na próxima temporada. Com isso, diversos rumores sobre novos reforços vieram à tona nos bastidores. Em nota oficial, a assessoria da equipe confirmou a gravidade da lesão. 

"O atleta Boschilia sofreu uma lesão durante o treino de hoje. Após realização de exame, foi constatada a ruptura do ligamento cruzado anterior do joelho direito. Atualizaremos adiante sobre a cirurgia", informou a comunicação do clube. Boschilia atuou 30 vezes e marcou cinco gols pelo Inter. O treino desta segunda-feira, no qual o meio-campista rompeu o ligamento, era o primeiro dele com bola depois de três semanas parado por conta de uma lesão muscular.

Marcelo Medeiros, presidente do Internacional, foi contatado pela reportagem do Revista Colorada e se posicionou sobre possíveis contratações pra reposição de Boschilia. O mandatário quebrou qualquer expectativa da torcida ao negar imediatamente novas chegadas ao Beira-Rio. “A princípio segue o mesmo grupo”, disse. Sua declaração dividiu opiniões nas redes sociais, já que o clube adotou outra postura quando Guerrero e Saravia se machucaram.

Foto: Ricardo Duarte/Internacional
Foto: Ricardo Duarte/Internacional

No caso de Guerrero, por exemplo, dois centroavantes foram contratados: Abel Hernández e Leandro Fernández. Rodrigo Caetano, executivo de futebol do Inter, concedeu entrevista ao Esporte Band RS e falou exatamente o contrário do que Marcelo Medeiros havia dito. Segundo o diretor, o clube vai ter que vasculhar o mercado na busca por um substituto ideal para Boschilia. O Colorado, vale destacar, segue vivo nos três principais torneios da temporada.

“O baque foi gigantesco (notícia da lesão de Boschilia). Trata-se de um jogador importante, o acúmulo dessas lesões que afastam o jogador da temporada é realmente muito triste. Nós (diretoria do clube) vamos ter que vasculhar o mercado, tentar opções pra minimamente tentar suprir a falta do Boschillia. Normalmente um jogador que encaixa nas nossas características estão atuando, então as possibilidades estão reduzidas.

Temas:

Leia também


Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.