arrow_drop_down
search

Futebol Cruzeiro

Diretoria do Cruzeiro estabelece preço de R$ 34 milhões para negociar titular de Adilson Batista

Em grande crise financeira, Raposa não coloca nenhum jogador como inegociável e pensa em vender um dos atletas mais importantes do elenco atual desta temporada

Bolavip

Não é segredo para o torcedor a grande crise financeira que o Cruzeiro está vivendo. Não é à toa que a nova diretoria celeste colocou um teto salarial de até R$ 200 mil para o grupo de jogadores e liberou a maioria dos medalhões. Marcelo Moreno, que está por detalhes de ser anunciado pelo clube mineiro, está vindo com ajuda de Pedrinho, dono do Supermercado BH

Até por isso, os dirigentes enxergam a possibilidade de vender o zagueiro Cacá e salvar as finanças neste primeiro semestre. Recentemente, o Athletico-PR teve interesse no defensor e acenou com uma oferta para adquirir os direitos econômicos do jogador, mas as conversas não avançaram. A ideia cruzeirense é negociar o jogador para algum clube do futebol europeu. 

 

Nesse cenário, o CSKA, da Rússia, formalizou interesse em contratar o atleta e está disposto a pagar R$ 18 milhões pelo zagueiro. No entanto, o Cruzeiro acredita bastante no potencial do jovem de 20 anos e deseja receber algo em torno de R$ 34 milhões. O Globoesporte.com noticiou que o empresário da joia tem até o dia 20 deste mês para buscar ofertas pelo jogador. 

 

O defensor tem contrato com a Raposa até dezembro de 2022. Feliz no Cruzeirão Cabuloso, o atleta já deixou claro que não irá forçar sua saída. Ele é muito grato por toda a história que tem no clube e entende que seria um desrespeito muito grande sair pelas portas dos fundos. O jovem tem sido titular de Abel Braga anos primeiros jogos do Campeonato Brasileiro e é tido como uma peça fundamental. 

Temas:

Leia também


Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.