Alex rechaça possibilidade de ser auxiliar do Coritiba

Futebol: Mais notícias

Futebol Coritiba

Cogitado para ser auxiliar, Alex não pretende assumir cargo no Coritiba em 2020; ex-meia quer tirar licença A

Ex-meia e ídolo do Coxa, Alex negou qualquer possibilidade de assumir um cargo na comissão técnica de Mozart, antes ele quer tirar a licença A, que o credencia para ser até técnico.

Bolavip

Alex rechaça possibilidade de ser auxiliar do Coritiba

Alex rechaça possibilidade de ser auxiliar do Coritiba

A torcida do Coritiba já estava animada com a possibilidade de ter o ídolo Alex de volta, mesmo que fosse à beira do gramado. Na última semana, surgiram notícias de que o ex-camisa 10 poderia fazer parte da comissão técnica de Mozart já no próximo ano. Porém, não está nos planos de Alex voltar ao futebol em 2021, mas em 2021.

Em 2019, o ex-jogador tirou a licença B da CBF, onde poderia assumir um time até o sub-20 e ser auxiliar de uma equipe profissional. Porém, o planejamento é tirar a licença A em 2020 e só pensar em assumir algum cargo técnico em 2021, quando poderá ser treinador de qualquer time profissional, sem a necessidade de passar pelas categorias de base.

"Apenas vou seguir o que me planejei a fazer. Volto ao futebol em 2021. Fiz a (licença) B em 2019, e faço a A em 2020. E aí, bato atrás de emprego. Sempre deixei claro isso a todos, não tenho pressa de nada", disse Alex em entrevista para o GloboEsporte. Neste ano, ele fez estágio como observador do time sub-17 do Coritiba e aos poucos adquire experiência para chegar ao time principal.

Desde a saída de Jorginho, técnico que conquistou o acesso à Série A, o Coxa ainda não definiu que será o novo treinador da equipe. A diretoria chegou a tentar Odair Hellmann, mas o Fluminense passou na frente e levou o técnico catarinense para o Rio de Janeiro. Outros nomes como Eduardo Barroca e Enderson Moreira estão na pauta da diretoria alviverde.

Temas:

Leia também




Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.