arrow_drop_down
search
Bartomeu dispara contra conduta de Arthur no Barcelona

Futebol: Mais notícias

Futebol Futebol Internacional

Bartomeu não poupa críticas e dispara contra conduta de Arthur no Barcelona: “Ato de indisciplina inaceitável”

Arthur recebeu duras críticas de Josep Maria Bartomeu, presidente do Barcelona, que disparou contra seu comportamento no clube catalão; meio-campista está de saída e reforçará a Juventus-ITA na próxima temporada 

Bolavip

Bartomeu dispara contra conduta de Arthur no Barcelona

Bartomeu dispara contra conduta de Arthur no Barcelona

A temporada 19/20 não foi nada fácil para o Barcelona. Além de mostrar um futebol pífio, problemas extracampo conturbaram os bastidores do clube, que passou por diversos problemas ao longo do último ano. Quique Setién não se firmou no cargo de técnico e deve ser substituído ao fim das principais competições europeias. Atritos com Messi, problemas no DM e muito mais. 

Arthur, inclusive, protagonizou uma das maiores polêmicas do Barcelona na última temporada. Os problemas do brasileiro vão muito além das quatro linhas. Acusado de indisciplina em diversas ocasiões, o meio-campista acabou sendo envolvido em uma troca amigável com a Juventus-ITA, por Pjanić. Josep Maria Bartomeu, presidente do Barcelona, comentou sobre a postura antiesportiva do jogador. 

Para Bartomeu, Arthur não deve jogar mais pelo clube catalão. Quando desembarcou na Espanha, o meia herdou a lendária e icônica camisa 8 usada pelo ídolo Iniesta. Suas atuações agradaram tanto que levaram o jogador até a Seleção Brasileira, onde se firmou e se tornou titular absoluto do técnico Tite. O mandatário, porém, afirma que houve desrespeito nas medidas impostas pela direção.

Arthur viveu altos e baixos no Barcelona. (Foto: Getty Images)

“Tínhamos acordado que, até que não terminasse a Liga dos Campeões, ele continuaria jogando pelo Barcelona. É um jogador com alguma importância e poderia nos ajudar, mas não apareceu no retorno das miniférias. É um ato de indisciplina inaceitável. O que Arthur fez é uma falta de respeito para os seus companheiros e também para o clube. É injustificável e totalmente incompreensível”, declarou ao jornal Sport, da Espanha. 

Arthur, que já foi elogiado por Messi, se tornou uma grande decepção na história recente do Barcelona. Contratado por € 40 milhões (R$ 181 milhões na época) em 2018, em negociação com o Grêmio, perdeu espaço aos poucos no elenco catalão. Sua multa rescisória era avaliada em € 400 milhões (1,818 bilhão). Para levá-lo, a Juve desembolsou € 72 milhões (R$ 442 milhões na cotação atual) mais € 10 milhões (R$ 61,5 milhões) em variáveis.

Temas:

Leia também


Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.