arrow_drop_down
search
Foto: Getty Images

Futebol Flamengo

Atrevido, Landim pretende anunciar acordo de R$ 20 milhões para encher os cofres do Flamengo; Amazon volta à pauta do clube

Intenção do presidente rubro-negro é anunciar rapidamente o substituto da MRV, que deixa o clube após quatro anos. Ambev também é citada nos bastidores da Gávea

Bolavip

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Em meio à reta final do Campeonato Brasileiro, o Flamengo já vai pensando no planejamento para 2021. Nas finanças, certamente a atual temporada não é das melhores. Além da pandemia prejudicar o clube no capital relativo a bilheterias dos jogos e ao programa de sócios-torcrdores, o Rubro-Negro fracassou nas principais competições.

Na Libertadores, uma queda precoce ainda nas oitavas de final frente ao Racing, em pleno Maracanã. Na Copa do Brasil, eliminação diante do São Paulo. Agora, no Campeonato Brasileiro, o time de Rogerio Ceni parece não emplacar e está a sete pontos da liderança - também ocupada pela equipe de Fernando Diniz.

Para piorar, a MRV, parceira do clube desde outubro de 2016, já avisou que não vai renovar o contrato com o Flamengo para o próximo ano. O motivo não foi revelado, porém, segundo o jornalista Gustavo Henrique, em seu canal no YouTube, há há três empresas em tratativas para assumir o espaço da construtora.

O presidente Rodolfo Landim já deixou claro que quer um acordo de dois anos, o que daria ao Flamengo a cota de R$ 20 milhões. Em seu vídeo, Gustavo Henrique cita que o clube e a Amazon ainda estão conversando mesmo depois do Rubro-Negro ter fechado patrocínio máster com o Banco de Brasília (BRB).

Se, recentemente, a gigante norte-americana não teve sucesso na tentativa de patrocinar o Flamengo, de comprar os naming rights do estádio do Corinthians, agora é um player que chegou para ficar. Tanto que está muito próxima de comprar os direitos de transmissão da Copa América de 2021, informa o jornalista Jorge Nicola, dos canais ESPN. 

Amazon volta à pauta no Flamengo, agora para ocupar espaço da MRV (Foto: Getty Images)

Outra empresa forte que está investindo muito no futebol brasileiro é a Ambev, outra na mira do Flamengo para o lugar herdado da MRV. Vale citar que recentemente a empresa anunciou que não patrocinará o futebol da Globo em 2021, representando uma ruptura de mais de 20 anos.

Temas:

Leia também


Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.