arrow_drop_down
search
03/12/2017 - SAO PAULO X BAHIA - CAMPEONATO BRASILEIRO 2017 - SP

Futebol: Mais notícias

Futebol São Paulo

Após sorteio da Libertadores, Lugano, dirigente do São Paulo, não demonstra preocupação em ter caído no mesmo grupo do River Plate e outros grandes times da América do Sul

Tricolor do Morumbi caiu no Grupo D, que ainda conta com a LDU e o Binacional. A última vez que o clube paulista foi campeão de algum torneio continental foi em 2012, quando obteve triunfo na Copa Sul-Americana. Na época, Rogério Ceni e Lucas Moura ainda atuavam defendendo as cores da equipe. 

Bolavip

03/12/2017 - SAO PAULO X BAHIA - CAMPEONATO BRASILEIRO 2017 - SP

03/12/2017 - SAO PAULO X BAHIA - CAMPEONATO BRASILEIRO 2017 - SP

Apesar de viver um momento obscuro quando o assunto está relacionado aos títulos importantes, Diego Lugano, representante do São Paulo no sorteio para definir os grupos da Taça Libertadores, não demonstra preocupação com os adversários, em especial o River Plate. O ídolo tricolor, atual diretor de relações internacionais do Tricolor do Morumbi, não considera o Grupo D difícil para alcançar a classificação às oitavas do torneio. A chave conta ainda com a LDU, do Equador, e o Binacional, do Peru.

Lugado é ex-zagueiro do São Paulo e da seleção do Uruguai, sendo ídolo da torcida nos dois lugares

"Alegria pelo São Paulo estar na fase de grupos, sentir novamente o respeito na América. Obviamente River é um rival difícil, mas eles também não gostam muito de pegar o São Paulo. É um grupo normal, é Libertadores, à altura da história do São Paulo. Imagino muito mais eles preocupados do que nós", comentou Lugano após o evento realizado pela Conmebol, na noite desta terça-feira (17).

Até o presente momento, a equipe paulista ainda não entrou ativamente no mercado de transferências. Contratações pontuais devem ser feitas para a disputa da Libertadores, mas nada como 2019, quando a diretoria gastou cerca de R$ 130 milhões. Antony e Walce estão no radar de clubes que disputam a Bundesliga, mas nada oficial por enquanto.

Alexandre Pássaro, gerente de futebol do clube, acompanhou o discurso do ex-zagueiro uruguaio e não considera o grupo classificado ao nível de ser "da morte". "Acho que o grupo da morte varia com o desempenho. É um grupo difícil para a gente com certeza, mas para eles também é. O River é um rival que estamos acostumados a jogar. Pegamos em 2005, quando fomos campeões. Em 2016, chegamos à semifinal e pegamos na fase de grupos. Este ano, se tivéssemos passado, sairíamos no grupo do River", respondeu Alexandre.

O São Paulo estreia na Taça Libertadores no dia 03 de março de 2020, contra o Binacional, em local a ser confirmado.

Temas:

Leia também


Comentários

Cadastre-se

Você pode receber as últimas notícias na sua caixa de E-mail.